PayPal anuncia corte de 2.500 empregos

Publicado por: Feed News
03/02/2024 19:15:38
Exibições: 182
Imagem: Fontes abertas
Imagem: Fontes abertas

 Motivo:  Concorrência e Redução de Lucros

 

A PayPal Holdings, líder em serviços de pagamento digital, planeja cortar aproximadamente 9% de sua força de trabalho, totalizando cerca de 2.500 empregos. Essa decisão é uma resposta à crescente concorrência de gigantes como Apple e Zelle, juntamente com a recente redução dos lucros e uma reavaliação negativa por parte de analistas.

 

O CEO da empresa, Alex Criss, que assumiu o cargo em setembro, comunicou a decisão aos funcionários em uma carta na terça-feira. Ele destacou a necessidade de "dimensionar corretamente a empresa" para enfrentar os desafios do mercado. Os cortes incluirão demissões diretas e a eliminação de vagas em aberto ao longo do ano.

 

Os funcionários afetados serão notificados até o final da semana, conforme indicado na carta divulgada. Isso marca uma segunda rodada de cortes de empregos pela PayPal, que também anunciou medidas semelhantes em janeiro do ano passado.

 

Com cerca de 29.900 funcionários no final de 2022, a PayPal está buscando otimizar sua estrutura para melhorar a eficiência e enfrentar as mudanças no cenário competitivo. Os cortes visam permitir que a empresa "avançe na velocidade necessária para atender nossos clientes e impulsionar um crescimento lucrativo", conforme explicou Criss na carta aos funcionários.

 

Apesar dos cortes, a empresa enfatizou seu compromisso contínuo com o investimento em áreas estratégicas para impulsionar o crescimento. As ações da PayPal enfrentaram desafios nos últimos tempos, com uma queda de mais de 20% no ano passado, reflexo da diminuição dos lucros e da revisão para baixo da previsão de margem operacional anual. A nomeação de Alex Criss no ano passado, sucedendo Dan Shulman, reflete os esforços da empresa para se adaptar às demandas e dinâmicas do mercado em constante evolução.

Imagens de notícias

Tags:

Compartilhar

Vídeos relacionados