Desmascarando a Ilusão Política

Publicado por: Feed News
06/02/2024 15:39:43
Exibições: 38
Cortesia Editorial Freepik
Cortesia Editorial Freepik

Eleições batem a porta. Um chamado à consciência cidadã

 

Ao observarmos o cenário político, é compreensível que muitos nutram desconfiança em relação aos políticos. A sensação de que eles acreditam que nossa fé neles é inabalável é recorrente, mas, curiosamente, a lembrança de sua existência só parece ressurgir às vésperas das eleições.

 

É fácil esquecer da presença dos políticos em nosso cotidiano, pois, na verdade, eles lembram-se de nós principalmente quando desejam conquistar o nosso voto. Nesse período, surge uma intensa busca por reconhecimento, como se recuperassem de um período de amnésia seletiva.

 

No entanto, é crucial que permaneçamos alertas diante desse jogo político, onde as promessas parecem valer ouro, mas, muitas vezes, se mostram vazias. Os políticos, em sua ânsia por conquistar votos, não raro chegam a comprometer princípios éticos, vendendo até mesmo a confiança do eleitor.

 

A verdade é que, uma vez eleitos, a tendência é que eles se distanciem do eleitorado até que as próximas eleições estejam novamente no horizonte. Surge então a necessidade de uma conscientização mais profunda por parte da população, especialmente em vésperas de eleições ou eventos que envolvam gastos expressivos, muitas vezes provenientes do nosso próprio dinheiro.

 

É fundamental que, ao decidir participar do processo eleitoral, o cidadão esteja munido não apenas de seu título de eleitor, mas também de uma pesquisa criteriosa sobre os candidatos. Esse processo vai além das promessas de campanha; requer uma análise profunda das propostas, histórico de atuação, vida pregressa, comportamento familiar, comportamento financiero, ficha criminal e comprometimento com valores éticos e morais. E lembre-se, diariamente somos roubados, o pais aumentou sua posição no ranking da corrupção, Se não é voce é quem?

 

Votar é um direito e uma responsabilidade cívica, e ao fazê-lo, é crucial lembrar que a escolha não afeta apenas o indivíduo, mas toda a comunidade. Decidir de forma equivocada pode resultar em prejuízos não apenas para o eleitor, mas para a sociedade como um todo.

 

Assim, ao nos depararmos com as próximas eleições ou eventos que envolvam gastos expressivos, é imperativo exercer a cidadania de maneira informada e consciente. Sejamos protagonistas de um processo eleitoral mais ético e transparente, onde a confiança depositada em nossos representantes seja reflexo de uma escolha criteriosa e responsável.

 

Mike N.

Conteudista da The Mobile Television Network

 

 

Imagens de notícias

Tags:

Compartilhar