GAZA: Portões abertos aos tanques israelitas

Publicado por: Feed News
30/10/2023 18:00:00
Exibições: 105
Atef Safadi / EPA
Atef Safadi / EPA

Bairro dos arredores da cidade ocupado por tanques israelitas. Exército anuncia morte de “dezenas de combatentes” do Hamas.

 

O exército de Israel chegou às portas da cidade Gaza, nesta segunda-feira.

A Agence France-Presse cita testemunhas que viram tanques israelitas num bairro nos arredores da cidade.

 

As mesmas testemunhas relatam que a estrada de Salahedin, que liga o norte ao sul da Faixa de Gaza, foi cortada pelos militares de Israel.

 

Os bombardeamentos israelitas deixaram a estrada principal sem possibilidade de circulação de carros, devido às grandes crateras que o ataque provocou.


Segundo a mesma agência, para já não há relatos de batalhas no terreno entre Israel e Hamas.

Já a agência EFE acrescenta que Israel controla o território desde a fronteira oriental do enclave até à estrada de Salahedine, na direcção de Gaza.

 

O porta-voz do exército israelita, Daniel Hagari, não confirmou o controlo da estrada de Salahedin.

 

Morte de combatentes
O exército israelita disse ter matado “dezenas de combatentes” das milícias islâmicas barricados em edifícios e túneis na Faixa de Gaza, controlada pelo movimento islamita Hamas, durante confrontos nas últimas horas.

 

As Forças de Defesa de Israel (IDF) explicaram que “estes terroristas” estavam a tentar atacar as tropas israelitas, de acordo com um comunicado.

 

Nas últimas horas, o exército israelita continuou a alargar as operações terrestres no enclave palestiniano.

Um dos aviões israelitas, guiado por tropas no terreno, atingiu um edifício do Hamas, onde se encontravam 20 milicianos do movimento.

 

Outro avião israelita atingiu um lançador de mísseis antitanque, onde se encontrava um número desconhecido de combatentes islamitas, na zona da Universidade Al Azhar, em Gaza.

 

Na sexta-feira, o exército israelita anunciou que estava a expandir as operações terrestres na Faixa de Gaza e a intensificar os bombardeamentos.

 

No comunicado de segunda-feira, as IDF afirmaram ter atingido 600 alvos nos últimos dias, incluindo depósitos de armas, dezenas de lançadores de mísseis antitanque e esconderijos do Hamas.

 

com informações do Planeta ZAP //

Imagens de notícias

Tags:

Compartilhar