O coronavírus não desapareceu: OMS pede o retorno do regime de máscaras

Publicado por: admin
15/07/2022 21:29:03
Exibições: 103
Cortesia Editorial Pixabay
Cortesia Editorial Pixabay

A Organização Mundial da Saúde pediu aos países de todo o mundo que restaurem as restrições de quarentena contra o COVID-19, como mascaramento e testes.

 

O diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus , disse que a pandemia ainda não acabou e a taxa de mortalidade está aumentando novamente.

 

Segundo a OMS, o número de infecções e hospitalizações está aumentando novamente devido a subvariantes da cepa Omicron .

 

"Estou preocupado que o número de casos de COVID-19 continue a aumentar, pressionando ainda mais os sistemas de saúde e os profissionais de saúde sobrecarregados. Também estou preocupado com a tendência de aumento da mortalidade ", disse ele.

 

Segundo o chefe da OMS, os governos enfrentam atualmente vários desafios devido à sua resposta ao coronavírus e à redução de testes e sequenciamento.

 

Em sua opinião, atualmente existe uma divergência entre a comunidade científica e lideranças políticas e o público em relação à percepção dos riscos do COVID-19.

 

Apesar de haver avanços no mundo nos métodos de combate ao coronavírus, que evitam internações e óbitos, a pandemia ainda não foi superada.

Imagens de notícias

Tags:

Compartilhar

Comentários