Conquer libera gratuitamente o curso de Negociação e Influência | TVCARUARU.com Mobile Television Network

A ação já conta com mais de 300 mil inscritos   Com mais de 30 aulas disponíveis sobre negociação, o curso contará com aulas ministradas por executivos de grandes organizações como Ifood, Espaço Laser, Boticário e Faber Castell   A Conquer, escola de n...

curso, negociação, influência

Conquer libera gratuitamente o curso de Negociação e Influência

Publicado por: Redação
04/11/2021 20:07:17
Cortesia Pexels
Cortesia Pexels

A ação já conta com mais de 300 mil inscritos

 

Com mais de 30 aulas disponíveis sobre negociação, o curso contará com aulas ministradas por executivos de grandes organizações como Ifood, Espaço Laser, Boticário e Faber Castell

 

A Conquer, escola de negócios da nova economia, liberou o acesso gratuito ao curso de Negociação e Influência, com inscrições abertas até o dia 15/11. Com mais de 300 mil inscritos em apenas cinco dias de sua liberação, o curso é totalmente online, com 15  horas de carga horária e mais de 30 aulas sobre a temática, com emissão de certificado na conclusão. A capacidade de negociar está entre as 15 habilidades mais necessárias para profissionais de todo o mundo até 2025, de acordo com pesquisa realizada pelo Fórum Econômico Mundial. As inscrições gratuitas para o curso, que fora deste período custa R$ 1.560, poderão ser feitas até o dia 15/11 e as aulas estarão disponíveis até o dia 17/11. Para quem tiver interesse em participar, basta se inscrever por meio do site.

 

O curso conta com mais de 15 experts do mercado para ministrar as aulas. Entre eles, os destaques são o Head de Legal and Tax do Ifood, Rodolfo Araújo; a CCO do Espaço Laser, Bárbara Fortes; o sócio da Stone Lucas Mathias; o Head de Inovação e VC da Faber Castell, Pavlos Dias; e a Legal Director do Grupo Boticário Priscila Pasqualin. Dividido em sete módulos, os temas abordados serão relacionamentos, gatilhos mentais, PNL com foco em influência, técnicas para argumentar e negociar e, ainda, como lidar com os “nãos”. 

 

“A negociação não é uma prática específica apenas para determinadas áreas. Gerenciar conflitos, defender projetos e ideias são exemplos de ações que fazem parte do dia a dia de todos e estão diretamente ligadas à habilidade de negociação. Por isso, esta é uma ferramenta indispensável, que deve ser usada por profissionais que desejam ter uma comunicação influente e se destacarem no mercado de trabalho”, comenta o co-fundador da Conquer, Hendel Favarin. 

 

De acordo com Favarin, desenvolver a habilidade de negociação permite que o  profissional se torne mais influente em qualquer ambiente, seja no corporativo ou familiar, com resultados mais assertivos ao defender e expor suas ideias. “Esta habilidade contribui, ainda, para finalizar uma conversa com uma solução que seja interessante para ambas as partes. No contexto corporativo, uma das principais vantagens competitivas da habilidade de negociação e influência está relacionada ao cargo de liderança. O líder precisa saber negociar com quem está em posição acima, ao lado e abaixo dele para ser excelente em sua função. Além disso, para engajar o time, é indispensável a influência”

 

Aula bônus
A Conquer disponibiliza, ainda, três módulos de aulas bônus: com o Fundador da Chilli Beans, Caito Maia; a Investidora do Shark Tank, Alexandra Loras; e o autor do livro Receitas Previsíveis, Aaron Ross. Estas aulas são liberadas de forma gamificada, de acordo com o número de indicações feitas pelos alunos para que outras pessoas se inscrevam no curso gratuito. Os inscritos ainda podem ganhar uma mentoria exclusiva em grupo com os fundadores da Conquer e, também, com o empresário, Flávio Augusto. Para obter o link de indicação, basta se inscrever no curso que o aluno receberá automaticamente.

 

Sobre a Escola Conquer:
Criada em 2016 com o objetivo de ensinar habilidades profissionais esquecidas pelo sistema de ensino tradicional, a Conquer se posiciona como a escola de negócios da nova economia, e oferece cursos, formações e especializações profissionais.

Imagens de notícias

Tags:

Compartilhar

Comentários