Reino Unido investiga se o coronavírus saiu de laboratório chinês de doenças de morcegos | TVCARUARU.com TV Para Dispositivos Móveis

Reino Unido investiga se o coronavírus saiu de laboratório chinês de doenças de morcegos   Diversas teorias surgidas nas últimas semanas contrariaram as informações iniciais de que o novo coronavírus teria tido origem num mercado de comida em Wuhan. Ta...

corona, virús, pandemia, epidemia, contágio, mortes, china, wuhan, oms, notícias, infectologistas

Reino Unido investiga se o coronavírus saiu de laboratório chinês de doenças de morcegos

Publicado por: Redação
18/04/2020 12:11:35
Argonne National Laboratory / Flickr
Argonne National Laboratory / Flickr

Reino Unido investiga se o coronavírus saiu de laboratório chinês de doenças de morcegos

 

Diversas teorias surgidas nas últimas semanas contrariaram as informações iniciais de que o novo coronavírus teria tido origem num mercado de comida em Wuhan. Também o Reino Unido vai agora investigar se o novo coronavírus teve origem num laboratório chinês de pesquisa de doenças de morcegos.

 

A origem do SARS-CoV-2, o novo coronavírus que causa a Covid-19, tem sido atribuída à contaminação de humanos a partir de morcegos ou outros animais nos mercados de comida de Wuhan, na China, e as autoridades de saúde consideram altamente provável que o vírus se tenha propagado de forma natural.

 

No entanto, diversas teorias, algumas das quais com contornos conspiratórios, apontam para a possibilidade de que o vírus tenha origem humana – não necessariamente com o intuito de produzir uma arma biológica, mas por acidente

Lab Whuam

( Foto: Reprodução/Internet: Instituto de Virologia de Wuhan, cidade chinesa onde a pandemia do novo coronavírus começou)

 

Segundo uma reportagem da Fox News emitida esta quinta-feira, os Estados Unidos estão  investigando indícios preliminares de que a pandemia poderá ter tido origem num laboratório de Wuhan, no decorrer de uma pesquisa cujo objetivo seria demonstrar a capacidade chinesa no campo da microbiologia.

 

Em entrevista ao Washington Post, o microbiologista Richard Ebright admite que o vírus possa ter passado aos humanos após um acidente laboratorial, por exemplo após “uma infeção acidental de um trabalhador do laboratório”. A hipótese foi publicada em vários meios de comunicação britânicos e rapidamente referida por diversos responsáveis do governo, incluindo membros do governo de Boris Johnson.

 

Agora, o Reino Unido vai mesmo abrir uma investigação à possível origem humana da pandemia de Covid-19. Segundo a Sky News, o governo britânico pretende apurar se o vírus terá tido origem num laboratório de Whuan, na província chinesa de Hubei, que pesquisava doenças em morcegos. “É uma possibilidade, apesar de não ser a possibilidade mais provável”, disse à estação britânica uma fonte oficial não identificada.

 

Confrontado nesta sexta-feira com a possibilidade de o vírus ter nascido em instalações de pesquisa de Whuan, onde a pandemia teve origem, em 2019, o Ministro dos Negócios Estrangeiros da China, Zhao Lijian, sustentou que a Organização Mundial de Saúde “já afirmou não ter provas de que o novo coronavírus tenha sido criado em laboratório”.

 

Questionado esta quinta-feira pela NBC NewsMark Esper, secretário da defesa dos Estados Unidos, considera que a hipótese é pouco provável. “A maior parte das opiniões aponta neste momento para uma origem natural, orgânica”.

 

As declarações de Esper coincidem com as do General Mark Miley, chefe do Estado Maior das Forças Armadas norte americanas, que também nesta quinta-feira declarou serem inconclusivas as pistas que apontam o laboratório de Wuhan como origem do vírus.

 

Fonte: Planeta ZAP

Imagens de notícias

Tags:

Compartilhar

Ganhe Dinheiro Revendendo Roupas