COVID-19: Aumenta número de óbitos em Pernambuco, Caruaru na lista | TVCARUARU.com TV Para Dispositivos Móveis

BOLETIM COVID-19 SES-PE - 10/04   Nesta sexta-feira (10.04), a Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) divulga no boletim epidemiológico mais 129 novos casos do novo coronavírus em Pernambuco. Com isso, o Estado totaliza 684 casos confirmados da doença. ...

corona, virús, pandemia, epidemia, contágio, mortes, china, wuhan, oms, notícias, infectologistas

COVID-19: Aumenta número de óbitos em Pernambuco, Caruaru na lista

Publicado por: Redação
10/04/2020 15:29:50
Courtesy Pixabay
Courtesy Pixabay

BOLETIM COVID-19 SES-PE - 10/04

 

Nesta sexta-feira (10.04), a Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) divulga no boletim epidemiológico mais 129 novos casos do novo coronavírus em Pernambuco. Com isso, o Estado totaliza 684 casos confirmados da doença.

 

Ainda foram confirmados laborialmente mais 9 óbitos (2 mulheres e 7 homens, com idades entre 38 e 87 anos), ocorridos entre os dias 06.04 e 09.04. Totalizando, assim, 65 mortes pela Covid-19 (detalhes abaixo). Dos 684 casos confirmados, 359 estão em isolamento domiciliar e 216 internados (31 em UTI/UCI e 185 em leito de isolamento).

 

Os casos confirmados estão distribuídos por 39 municípios (Abreu e Lima, Cabo de Santo Agostinho, Camaragibe, Jaboatão dos Guararapes, Igarassu, Ipojuca, Moreno, Olinda, Paulista, Recife, Pombos, São Lourenço da Mata, Vitória de Santo Antão, Bom Jardim, Carpina, João Alfredo, Lagoa do Carro, Limoeiro, Paudalho, Passira, Catende, Palmares, Belo Jardim, Caruaru, Cachoeirinha, Frei Miguelinho, São Caetano, Bom Conselho, Capoeiras, Garanhuns, Arcoverde, Salgueiro, Petrolina, Ipubi, Serra Talhada, Aliança, Goiana, Macaparana e Timbaúba), além do Arquipélago de Fernando de Noronha e da ocorrência de pacientes em outros Estados e países.

 

Os novos óbitos foram:
1 – Homem, 69 anos, residente do Recife. Óbito em 09.04. Tinha asma.
2 – Homem, 87 anos, residente de Caruaru. Óbito em 06.04. Tinha doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC)
3 – Homem, 67 anos, residente do Recife. Óbito em 07.04. Tinha hipertensão e obesidade.
4 – Mulher, 85 anos, residente de Igarassu. Óbito em 07.04. Era cardiopata e tinha hipertensão e diabetes.
5 – Homem, 83 anos, residente do Recife. Óbito em 09.04. Tinha hipertensão e diabetes.
6 – Homem, 56 anos, residente do Recife. Óbito em 09.04. Histórico de doença pulmonar prévia.
7 – Homem, 38 anos, residente do Recife. Óbito em 07.04. Hipertensão e obesidade
8 – Mulher, 73 anos, residente de Camaragibe. Óbito em 07.04. Tinha hipertensão arterial sistêmica e diabetes Mellitus
9 – Homem, 85 anos, residente de Arcoverde. Óbito em 08.04. Tinha insuficiência cardíaca

 

ASSISTÊNCIA - O Governo de Pernambuco, dando continuidade ao plano de expansão dos leitos dedicado aos pacientes portadores de Covid-19, já colocou em operação a Maternidade Brites de Albuquerque, que será utilizada como retaguarda, para servir como apoio das unidades que serão centro de referência do tratamento do novo coronavírus. Localizada na PE-15, no bairro da Cidade Tabajara, em Olinda, o equipamento já conta com os primeiros 10 primeiros leitos de enfermaria da unidade e 10 UTIs. Ao todo, o serviço vai contar com 120 vagas, sendo 40 de Unidade de Terapia Intensiva - UTI.

 

O Estado também fez a requisição administrativa do Hospital Nossa Senhora das Graças (Alfa), unidade privada localizada em Boa Viagem, Zona Sul do Recife. A estrutura que estava desativada desde 2018, será centro de referência para o tratamento e já está passando por reformas para atuar de forma exclusiva aos pacientes com a Covid-19, garantindo a ampliação da assistência à população em Pernambuco. A unidade está disponibilizando 230 leitos, sendo 100 de UTI. A previsão é que os primeiros leitos do serviço sejam abertos ainda este mês.

 

Nos últimos dias, o Governo de Pernambuco abriu 353 leitos para o tratamento da doença, sendo 133 UTIs e 220 de enfermaria.

 

TRANSPARÊNCIA - A organização não-governamental Open Knowledge Internacional (OKBR) divulgou novo boletim, na última quinta-feira (09.04). Mais uma vez, entre os 26 Estados brasileiros, mais o Distrito Federal e a União, Pernambuco se destaca como o mais transparente na divulgação das informações à população sobre a pandemia do novo coronavírus. A avaliação da ONG destacou a disponibilização de informações por parte da gestão estadual sobre os testes aplicados e o maior detalhamento da localização dos casos. Assim, Pernambuco avança e lidera o ranking, mantendo um resultado classificado como de “alto nível de transparência”, o único Estado do País nesse patamar. Em relação à primeira amostragem, divulgada no início do mês, Pernambuco subiu de 81 para 90 pontos.

 

O índice leva em conta três dimensões: conteúdo, granularidade e formato. São considerados itens como idade, sexo e hospitalização dos pacientes confirmados com a doença, além de dados sobre a infraestrutura de saúde, como ocupação de leitos, testes disponíveis e aplicados. Avalia-se ainda se os casos estão disponíveis de forma individual e anonimizada, além do grau de detalhamento sobre a localização (por município ou bairro, por exemplo). São considerados também os pontos positivos da publicação de painéis analíticos, planilhas em formato editável e séries históricas dos casos registrados.

 

De acordo com a OKBR, poucos Estados avançaram no grau de detalhamento dos casos suspeitos e confirmados do novo coronavírus até o momento. “Transparência e comunicação são questões centrais no trabalho desenvolvido em Pernambuco. Desde o dia 25 de fevereiro, coletivas de imprensa são realizadas, sistematicamente e quase que diariamente, para detalhar os dados da doença e informar a real situação para a sociedade. Sabemos que precisamos do engajamento de todos para que as medidas sejam tomadas com o máximo de clareza. Essa avaliação aponta que estamos no caminho certo e também ressalta que a população deve, cada vez mais, priorizar as fontes oficiais de informação, combatendo, fortemente, as fake news, que tanto têm atrapalhado os trabalhos das equipes de saúde”, destacou o secretário de saúde de Pernambuco, André Longo.

 

Imagens de notícias

Tags:

Compartilhar

Ganhe Dinheiro Revendendo Roupas