Nova ferramenta do INSS ajuda trabalhador se pode ou não se aposentar | TVCARUARU.com Televisão para Dispositivos Móveis

Ferramenta informa quanto tempo de contribuição o trabalhador tem registrado na base de dados do INSS Segundo o INSS, a ferramenta realiza uma busca automática de todas as informações e dados de vínculos do segurado registrados nos sistemas. 

inss, previdencia, aposentadoria, calculadora

Nova ferramenta do INSS ajuda trabalhador se pode ou não se aposentar

Publicado por: Redação
22/02/2018 16:04:21
Agencia Brasil
Agencia Brasil


Ferramenta informa quanto tempo de contribuição o trabalhador tem registrado na base de dados do INSS


Segundo o INSS, a ferramenta realiza uma busca automática de todas as informações e dados de vínculos do segurado registrados nos sistemas. 


O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) lançou uma calculadora que mostra se os trabalhadores já têm o tempo necessário para se aposentar. Pelas regras atuais, é possível se aposentar por tempo de contribuição – 30 anos para mulheres e 35 anos para homens – ou idade – 60 anos (mulheres) e 65 anos (homens).

 

A calculadora informa quanto tempo de contribuição o trabalhador tem registrado na base de dados do INSS e quanto falta para ele se aposentar por idade ou tempo de contribuição.

 


Segundo o INSS, a ferramenta realiza uma busca automática de todas as informações e dados de vínculos do segurado. É possível fazer a manualmente a inclusão de algum vínculo empregatício que estiver faltando.

 

O INSS informa que se o simulador mostrar a existência de vínculos pendentes não é preciso ir imediatamente até uma agência para corrigir a informação. A pendência será analisada quando o segurado pedir algum benefício à Previdência.

 

O cálculo está disponível no site Meu INSS na aba ‘Simulação do Tempo de Contribuição‘. Para fazer o cálculo é preciso se cadastrar, informando dados pessoais e de relação com o INSS. Teste feito pela reportagem não conseguiu fazer o cadastramento, pois o site informava que estava com problema.

 

O INSS informa que a simulação funciona apenas como um primeiro ‘indício’ do direito à aposentadoria.

 

Fonte Original: VEJA

Imagens de notícias

Tags:

Compartilhar

Ganhe Dinheiro Revendendo Roupas