Comportamento feminino: E se ele não ligar? | TVCARUARU.com Para Smart TV, PC e Mobiles

A pegadinha das expectativas irreais.  Como diz a canção de Vanessa da Mata, as relações humanas estão baseadas em “irreais expectativas desleais”. Acontece com todo mundo. Idealizamos a reação do outro e tomamos aquilo como certo.

smartphone, celular, online, tv, smart, tv, 3g, wi-fi, 4g, jornal, cultura, ibope, ibge

Comportamento feminino: E se ele não ligar?

Publicado por: TVCARUARU
04/12/2016 21:22:21

A pegadinha das expectativas irreais. 

Como diz a canção de Vanessa da Mata, as relações humanas estão baseadas em “irreais expectativas desleais”. Acontece com todo mundo. Idealizamos a reação do outro e tomamos aquilo como certo. É assim, por exemplo, quando esperamos que ele ligue no dia seguinte, que nossa equipe bata as metas de venda ou que o fornecedor chegue na hora combinada à reunião. Nesse cenário ideal criado por nós, o outro faz exatamente o que queremos. É assim também quando planejamos férias com sol, a vitória certa do nosso time ou compras online que chegam sem defeito. O problema é que a expectativa vira uma exigência e esquecemos que não podemos controlar nada, nem ninguém.

 

É claro que podemos esperar pelo telefonema no dia seguinte. Mas exigir nos coloca em um grande campo vulnerável. "E se ele não ligar?" Será uma grande decepção. Quando a expectativa é irreal, ela gera emoções negativas e se torna a causa de nossas maiores frustrações. "Como assim ele não ligou?" Vem, então, o segundo resultado negativo da expectativa irreal. Quando esperamos demais, partimos para o plano das ideias, generalizando e rotulando quem nos causou a frustração. "Certamente ele é um conquistador barato, está desinteressado, não quer compromisso".

 

Esse é um tema trabalhado no processo de coaching. Obstáculos como esse são muito comuns e prejudicam o coachee no caminho para atingir sua meta. O papel do coach é motivar e  habilitar o coachee a refletir sobre suas expectativas e mudá-las para pensamentos mais flexíveis e adaptáveis. O importante é conseguir dividir as expectativas em dois grupos. Um deles formado pelas coisas que você espera que aconteça e dependem de você. O outro de coisas que você espera que aconteça, mas dependem de outras pessoas e ou acontecimentos que fogem do nosso controle.

 

Devemos sempre lembrar que expectativas irreais são a maior causa de nossas frustrações. Ao compreender que só podemos ter expectativas sobre as coisas que dependem exclusivamente de nós, entendemos que somente sobre elas podemos atuar. Situações e ações que dependem de outras pessoas ou acontecimentos estão fora de nosso controle. Não têm garantia de que irão acontecer. Essa nova forma de pensar neutraliza as emoções negativas e faz com que seja possível se relacionar ou atuar em determinadas situações com maior clareza e calma.

 

 Vivian Wolff


Tags: smartphone | celular | online | tv | smart | tv | 3g | wi-fi | 4g | jornal | cultura | ibope | ibge |
Comentários