Todos têm problemas - o que muda é a forma a qual se lida com eles | TVCARUARU.com Para Smart TV, PC e Mobiles

Deixe a culpa e a comodidade de lado e foque na solução .   Nunca se viu tantas pessoas reclamando de seus problemas. É reclamação via celular, redes sociais, blogs, pessoalmente, ligações, etc. Mas e o que elas fazem para mudar o que lhes incomoda? Mu...

reclamar, reclamão

Todos têm problemas - o que muda é a forma a qual se lida com eles

''''
Publicado por: TVCARUARU
03/11/2015 11:58:46

Deixe a culpa e a comodidade de lado e foque na solução .

 

Nunca se viu tantas pessoas reclamando de seus problemas. É reclamação via celular, redes sociais, blogs, pessoalmente, ligações, etc. Mas e o que elas fazem para mudar o que lhes incomoda? Muitas vezes nada.

 

“Para alguns, reclamar é um hábito tão comum que já lhes passa despercebido. Às vezes as pessoas não estão nem a procura de soluções, apenas desejam reclamar da vida por uma questão de mania já instalada nelas”, comenta o psicólogo e coach João Alexandre Borba.

 

Um dos maiores problemas do “reclamão” é que ele acha que a única pessoa certa é ele, e que o mundo é quem está errado. “A pessoa que reclama demais vive insatisfeita e em posição passiva – mas, ao mesmo tempo, sente-se superior aos outros e é exigente, tornando-se, muitas vezes, amarga e afastando as pessoas sem nem perceber”, comenta o psicólogo.

 

O nível e quantidades de reclamações feitas por uma pessoa servem para revelar uma só coisa: o quão pessimista e amarga ela é. “É o tipo de pessoa que vê o copo meio vazio – e não meio cheio; - que sempre percebe o que está faltando, e não o que foi feito. E é claro que, com o tempo, quem está a sua volta começa a se afastar, afinal, ninguém consegue permanecer muito tempo perto de uma pessoa cheia de razão e que está sempre insatisfeita”, comenta Borba.

 

Portanto, para evitar esses problemas, é preciso que sejam tomadas atitudes certeiras. “Antes de tudo perceba se o motivo de sua reclamação realmente é um bom motivo – ou se você está reclamando apenas por mania. Pare por uns minutos e foque-se nisso. O motivo é válido? Ok, parta para ação. O motivo não é válido e só vai gerar desgaste? Deixe-o de lado – para o seu próprio bem e para aqueles que vivem próximos a você, seja no trabalho ou na vida pessoal”, sugere Borba.

 

Independente de o motivo, reclamar nunca é a solução. “Seja de você mesmo ou dos outros, a reclamação nunca irá resolver nada – só irá piorar as coisas. Hábitos comuns, como culpar os outros, achá-los ineficientes e se justificar, funcionam como uma espécie de droga que alivia o seu estresse e o seu medo de fracassar. Esse mecanismo é feito muitas vezes de forma inconsciente, como uma forma de ajudar a passar pelo mau momento – afinal, se você estivesse sendo bem sucedido, não precisaria colocar a culpa nos outros, justificar-se e, muito menos, reclamar”, exalta o especialista.

 

Resumidamente, pessoas que reclamam demais viram chatas e, para evitar esse problema, é preciso tomar alguma atitude. “Foque nas soluções. Deixe de lado a preguiça e o comodismo e resolva seus problemas”, exalta Borba.

 

É claro que é mais fácil reclamar do que ir à luta – mas ficar esperando que as soluções caiam do céu é injustificável. Para ter sucesso as pessoas precisam estar convencidas de que as únicas responsáveis por tudo de bom e tudo de ruim que acontece nas suas vidas são elas mesmas – e que, para resolver isso, é preciso colocar as mãos na massa – e não jogar a culpa para os outros ou pra si mesmo. “No dia em que a mesma velocidade que você utiliza para se culpar por não avançar na vida for substituída pela responsabilidade em melhorar suas estratégias, você vai longe”, conclui o coach.

 

Serviço: João Alexandre Borba

Master Coach Trainer e Psicólogo


Tags: reclamar | reclamão |
Notícias relacionadas
Comentários